Follow by Email

Translate

7 de dezembro de 2009

AS MINHAS COSTURAS...





Esta manta de retalhos foi feita por mim há cerca de quatro anos e é a segunda manta que consigo levar a até ao fim. Podiam ser muitas mais, mas sou muito preguiçosa e lenta..., são cosidas e rematadas à mão, apenas a barra lisa à volta não é cosida por mim pois não sei coser à máquina. Adoro patcworks, mas assim de retalhos simples, quadrados ou tiras do mesmo tamanho e sem preocupação de perfeição em casar os quadrados, o que na minha opinião lhes retira o ar naïf que eu gosto. Não gosto muito dos quilts clássicos de motivos elaborados e miúdos (a não ser os antigos, desbotados e gastos) que fazem agora..., e a razão principal, é mesmo os tecidos utilizados, incluindo os que se compram para o efeito. Não gosto dos padrões, cores e do "toque", apesar de serem de algodão... É um defeito profissional, eu sei,... mas trabalho com os melhores tecidos e cresci no meio de tecidos e lãs da melhor qualidade,... identifico-lhes a composição só de os olhar. Os tecidos desta manta, são restos de confecção e de catálogos descontinuados ("Designers Guil", "Ralph Lauren" e "Rubelli"), uns de linho e outros de algodão. As cores, como sempre são combinadas com todo o cuidado e a mistura de padrões e texturas também. A distribuição dos ratalhos é fundamental por forma a criar uma composição uniforme e equilibrada. Resumindo..., de naïf, tem muito pouco. Acho-a linda e é óptima em dias de inverno no sofá.

Sem comentários: